Pilates
|
17/6/2021

Grávida pode fazer Pilates?

Será que mulheres gestantes podem praticar Pilates? A gravidez é um período muito delicado na saúde do corpo feminino. Ele deve se manter forte e saudável a todo tempo da gestação.

gravida-pode-fazer-pilates

Grávida pode fazer Pilates?

É perfeitamente normal que as grávidas tenham muitas dúvidas em relação ao que podem ou não fazer, pois todos sabemos que elas são consideradas pessoas enquadradas no grupo prioritário e de risco.

As gestantes não podem fazer qualquer tipo de atividade, pois têm uma vida sendo gerada dentro de si e precisam tomar muito cuidado quanto a isso.

O Pilates é um tipo de exercício um pouco mais controlado e em muitos casos é indicado para as grávidas, pois na maioria das vezes conta com um profissional qualificado para supervisionar a execução dos exercícios.

Nesse post iremos tirar as dúvidas que estão relacionadas à gestação e ao Pilates, qual a associação de ambos e claro os benefícios do método para a gestante.

Ao final da leitura, mostraremos alguns exercícios possíveis de serem feitos pelas gestantes desde que bem supervisionados para que tudo seja controlado e nada venha a prejudicar a mulher e o bebê.

Alterações na Gravidez

Todos sabemos que a gravidez traz consigo muitas alterações no corpo da mulher, sejam elas hormonais, emocionais ou físicas, pois o corpo, durante nove meses, tem que abrigar e nutrir um novo ser humano.

Devido a tantas alterações, as mulheres grávidas se tornam um grupo de risco que merece atenção especial em tudo que desejam fazer, inclusive nas atividades físicas.

Se você já era uma mulher que praticava atividades físicas regularmente, provavelmente não precisará mudar muito sua rotina, apenas adaptá-la.

Em contrapartida, se você não tinha o costuma de praticar nenhuma atividade física e seu médico te indicou algo, a melhor opção é o Pilates ou a caminhada.

Nesse post abordaremos apenas o método Pilates, pois é um dos principais e mais indicados para esse grupo de pessoas.

O que é o método Pilates?

O método Pilates, é um método que contém muitos tipos de exercícios diferentes que podem ser trabalhados com todos os tipos de pessoas, sendo que, para cada tipo de pessoa é fornecido um tipo de exercício, a depender da necessidade de cada um.

É um método bastante antigo, que foi criado durante a segunda guerra mundial a fim de tratar os soldados que se machucavam na guerra. Após isso, o mundo todo começou a aderir ao método e hoje em dia ele é praticado pelos mais diversos tipos de pessoas e profissões.

O método Pilates funciona baseado em seis princípios fundamentais: respiração, controle, fluidez, precisão, centralização e concentração.

Todos os exercícios propostos pelo profissional devem ser executados colocando os seis princípios em prática, a fim de que o exercício seja completamente perfeito.

Grávidas podem fazer Pilates?

Agora que já conhecemos o método, podemos afirmar que as grávidas podem sim praticar o método Pilates, desde que supervisionadas por profissionais qualificados e treinados (pois existem especializações para esse tipo de público).

As gestantes devem procurar por profissionais que atendam esse tipo de público e que tenham horários em seus estúdios para as mesmas, pois é necessário um horário especial para as grávidas. De preferência horários individuais a fim de que o profissional tenha total atenção voltada para elas.

Quais os benefícios do Pilates para as grávidas?

É muito grande o número de benefícios que o Pilates apresenta para todos, dentre eles podemos citar os mais tradicionais:

  • Melhora da força muscular;
  • Melhora da flexibilidade muscular e estabilidade;
  • Melhora do padrão respiratório;
  • Melhora da circulação sanguínea e linfática;
  • Melhora da qualidade de vida e bem-estar;
  • Melhora de quadros de estresse, ansiedade, depressão e insônia;
  • Melhora das dores causadas por tensão muscular ou sobrecarga articular entre vários outros.

Além dos tradicionais benefícios que o Pilates apresenta para toda a população, as grávidas ainda se beneficiam com algumas vantagens extras, dentre as quais podemos destacar:

  • Melhora da retenção de líquidos;
  • Alívio da dor lombar;
  • Fortalecimento da MAP (musculatura do assoalho pélvico);
  • Relaxamento;
  • Preparação para o parto e outros.

O Pilates ajuda a preparar as mulheres que desejam ter um parto natural, promovendo o “alargamento” dos quadris e o fortalecimento dos mesmos, além é claro de auxiliar no processo de retornar ao corpo anterior de forma mais rápida.

Existem contraindicações de exercícios do método Pilates para as grávidas?

Assim como qualquer tipo de exercício ou grupo de pessoas, existem algumas contraindicações do método Pilates para algumas grávidas especificamente. Dentre as contraindicações e cautelas mais conhecidas podemos citar as seguintes:

  • Gestantes com históricos de abortos sem causas definidas devem ter cautela ao praticar qualquer tipo de atividade física.
  • Gestantes com quadros de hipertensão arterial sistêmica considerável.
  • Risco de aborto.
  • Sangramento.
  • Três primeiros meses de gestação.
  • Problemas articulares graves, principalmente coluna vertebral e quadris.
  • Gravidez considerada de risco no geral.

Algumas dessas condições são consideradas contraindicações absolutas, outras são apenas relativas e a gestante deve apenas tomar cuidado juntamente com o fisioterapeuta que irá acompanha-la nas aulas de Pilates.

Melhores exercícios para as grávidas dentro do método Pilates

O método Pilates contem inúmeros exercícios que podem ser adaptados ou até criados para determinados tipos de pessoas dependendo da condição e necessidade de cada um.

Alguns exercícios tradicionais do método Pilates que podem ser feitos e são indicados para as grávidas são:

  1. Exercício de ponte: deitado de costas, com joelhos dobrados e pés apoiados no chão, eleve o “bumbum” do chão. Faça 10 repetições bem executadas associadas à respiração correta do método.
  2. Mobilização de quadril na bola: sentada na bola, realize movimentos circulares sentada na bola. Faça 10 repetições para cada lado (sentido horário e anti-horário).
  3. Exercício de Bomba Tíbio Társica: de pé, segurando na parede, fique na ponta dos pés como se fosse uma bailarina. Repita o movimento por 3 séries de 10 repetições.

Exercícios que devem ser evitados pelas grávidas no método Pilates

Embora todos os exercícios do método Pilates possam ser bem controlados e monitorados pelo profissional que acompanha a grávida, alguns podem ser contraindicados para elas.

Dentre eles podemos destacar os exercícios realizados em decúbito ventral, ou seja, deitada de barriga para baixo ou, até mesmo, exercícios que fiquem de pé sobre superfícies instáveis (bolas, jump, reformer), exercícios com flexão excessiva do tronco e outros que as grávidas não consigam fazer pelo tamanho da barriga.

SOBRE O PILATES OMEGA4

A Omega4 oferece um serviço de Pilates impecável, com unidades nas melhores localidades de São Paulo. Qualquer unidade da Omega4 oferece uma infraestrutura preparada para te oferecer o melhor Pilates de São Paulo!

Saiba mais!
CONTEÚDOS RELACIONADOS
Saiba mais sobre

Grávida pode fazer Pilates?

E receba mais conteúdos relacionados a Pilates!
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.